(+351) 276 510 200
Welcome to RoadThemes

Cart

ALHEIRA DE
MONTALEGRE

A Alheira de Montalegre, é um enchido de came e gordura de porco, carne de aves (galinha, peru e/ou pato), coelho e pão, cheio em tripa delgada de porco. As carnes e gorduras de porco, as carnes de aves e coelho utilizadas são devidamente condimentadas com sal, alho, colorau picante (regionalmente conhecido por “pimento”), colorau doce (também conhecido por “pimentão”), salsa, cebola e azeite produzido na região de Trás-os-Montes.

Ficha Técnica do Produto

Compare
REF: ALH-01A Categorias: , Etiqueta:
NOME DO PRODUTO
Alheira de Montalegre
DESCRIÇÃO DO PRODUTO
A Alheira de Montalegre, é um enchido de came e gordura de porco, carne de aves (galinha, peru e/ou pato), coelho e pão, cheio em tripa delgada de porco. As carnes e gorduras de porco, as carnes de aves e coelho utilizadas são devidamente condimentadas com sal, alho, colorau picante (regionalmente conhecido por “pimento”), colorau doce (também conhecido por “pimentão”), salsa, cebola e azeite produzido na região de Trás-os-Montes.

Características Físicas
Como em todos os produtos tradicionais, existe uma certa variabilidade nos padrões físicos e químicos. No entanto genericamente estes produtos caracterizam-se por terem:

 

Características Exteriores
  • Forma e aspecto: o enchido tem a forma de ferradura, de secção cilíndrica, com cerca de 3 cm de diâmetro e dimensões variáveis.
  • Cor: não é homogénea, variando do amarelo ao acastanhado.
  • Atadura: a tripa utilizada é atada com dois nós simples em cada extremidade, com o mesmo segmento de fio de algodão, tomando o formato de ferradura.

 

Características Interiores
  • Cor: ao corte, a superfície apresenta cor amarelo-acastanhada, de tonalidade homogénea
  • Massa: a alheira apresenta-se, ao corte, com massa de aspecto homogéneo, apercebendo-se no entanto as carnes desfiadas.

 

Características químicas
A Alheira de Barroso – Montalegre apresenta os seguintes valores:
Humidade – máximo 50%
Proteína Bruta – mínimo 12%
Gordura Bruta – máximo 20%
Teor de sal – máximo 4% NaCI
A carne constitui no mínimo 60% do total da matéria-prima da alheira. Desta carne, 50% é de porco. O pão não excede 25% do total da matéria-prima.

 

Características Sensoriais
Apresenta sabor agradável muito característico deste tipo de produto, devido ao modo como é confeccionado. Aroma agradável e sui generis. Sabor e aroma fumado.

 

Características da matéria-prima
As matérias-primas utilizadas para a obtenção da Alheira de Montalegre são:
  • Carnes de porco: As carnes mais frequentemente utilizadas são as carnes agarradas aos
    ossos (ossos de assuã, queixadas), carne da cabeça, entremeada e aparas de carne. Todas as peças podem ser utilizadas na confecção deste enchido, desde que misturadas.
    A carne de porco utilizada é proveniente de animais cuja dieta é basicamente constituída por alimentos abundantes na região de produção, como batata, abóbora, nabo, lande ou “bolota de carvalho”, beterraba e grãos de cereais.
  • Carne de aves: A carne de galinha é sempre utilizada, utilizando-se também o pato e/ou o peru. A carne de galinha utilizada provém de animais criados em regime tradicional, uma vez que toda a gente tem as suas próprias galinhas, assim como o pato e o peru.
  • Carne de animais de caça: Podem ser utilizadas carnes obtidas de todos os animais de
    caça, embora a mais comum seja o coelho, só raramente se utiliza a perdiz.
  • Pão: Pão regional de trigo, grande, cozido em fornos de lenha
  • Condimentos base: Sal (NaCI) para fins alimentares, alho (allium sativum L.) não germinado, colorau picante (pimento) e ou colorau doce ou pimentão (tal como definido
    na NP 565 (1987), salsa, cebola e azeite produzido na região de Trás-os-Montes.
    As quantidades de condimentos utilizados diferem de forma não substancial de produtor para produtor, sendo a qualidade final do produto homogénea. No entanto, os grandes apreciadores e conhecedores deste produto conseguem distinguir as alheiras, consoante o respectivo produtor.
  • Tripa: tripa fina (intestino delgado) dos mesmos porcos.

 

No Processo de Cura da Alheira de Montalegre não são adicionados quaisquer tipos de aditivos e intensificadores de cor e que são considerados pela comunidade médica como substancias altamente prejudiciais para a saúde (ex: nitratos e nitritos de sódio).

COMO CONSUMIR
A Alheira de Montalegre é consumida cozinhada: grelhada, frita ou assada no forno. Se for grelhada pode ser incluída no Cozido à Barrosã. Grelhada pode também ser acompanhada por legumes de Montalegre, como a couve, grelo, batata etc, temperados com azeite de qualidade. No entanto pode ser também servida como aperitivo. Se for assada no forno, pode ser acompanhada por ovo caseiro estrelado.
Dada a grande versatilidade da Alheira de Montalegre em termos culinários, pode ser preparada e servida de muitas e diferentes formas mais ou menos arrojadas consoante a criatividade e o gosto de cada pessoa.

Reviews

There are no reviews yet.

Only logged in customers who have purchased this product may leave a review.